Universo Tributário

Proposta altera critérios para classificação de municípios rurais e urbanos PDF Imprimir E-mail
Notícias sobre Temas Diversos
28-Nov-2011

Tramita na Câmara dos Deputados Projeto de Lei que cria nova classificação para municípios rurais e urbanos.

O Projeto de Lei 1327/11, do deputado Wellington Fagundes (PR-MT), cria nova classificação para municípios rurais e urbanos. De acordo com a proposta, a definição será feita por critérios populacionais, de densidade demográfica e de composição do produto interno bruto (PIB). A proposta altera o Estatuto das Cidades(Lei 10.257/01) e o Decreto-Lei 311/38, que dispõe sobre a divisão territorial do país.

De acordo com o texto, os municípios passarão a ser classificados como:

– rural, quando a população for inferior a 50 mil habitantes, a atividade agropecuária representar mais de 1/3 do PIB municipal e a densidade demográfica for inferior a 80 habitantes por km²;
– relativamente rural, quando a população for inferior a 50 mil habitantes, atividade agropecuária representar entre 1/3 e 15/100 do PIB municipal e a densidade demográfica for inferior a 80 habitantes por km²;
– de pequeno porte, quando a população for inferior a 50 mil habitantes, a atividade agropecuária representar menos de 15/100 do PIB municipal e a densidade demográfica for superior a 80 habitantes por km²;
– de médio porte, quando a população for de 50 mil a 100 mil habitantes ou a densidade demográfica for superior a 80 habitantes por km² e população entre 20 mil e 50 mil habitantes;
– de grande porte, quando a população for superior a 100 mil habitantes.

Áreas rurais

Pela proposta, o território e a população dos municípios rurais ou relativamente rurais serão considerados rurais para fins estatísticos e de definição de políticas públicas. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) deverá obedecer à classificação e atualizar seus dados a partir desses parâmetros.

A divisão entre espaço urbano e rural estabelecida pelo Decreto-Lei 311/38 é feita pelo número mínimo de moradias tanto para sede de distrito como para sede de município e não existe referência a outro critério quantitativo ou qualitativo. Segundo Fagundes, parâmetros como número mínimo de habitantes, densidade demográfica mínima, proximidade e vinculação econômica a centros urbanos de maior porte não são mencionados.

“O objetivo da proposta é eliminar a distorção da ideia que temos do grau de urbanização do nosso País”, afirmou o parlamentar. Para ele, a nova classificação permitirá um melhor entendimento das reais necessidades de cada localidade. “Com esta compreensão, políticas públicas voltadas para a solução dos problemas urbanos e rurais poderão ser elaboradas com maior precisão, melhorando a eficiência na aplicação dos recursos públicos.”

Tramitação

A proposta, que tramita em caráter conclusivo, será analisada pelas comissões de Desenvolvimento Urbano; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Fonte: Agência Câmara de Notícias.

 
< Anterior   Próximo >
Advertisement

Enquete

Você é favor da criação de uma nova CPMF?
 

Articulistas

Sample image Francisco Gomes Artigos publicados Contato
Sample image Gustavo Barros Artigos publicados Contato
Sample imageSeja um articulista Saiba como!

Nossos Parceiros

Anuncie Aqui!

Assine nosso RSS

Charges

Produtos e Serviços

Depoimentos

Este portal é um importante instrumento para os profissionais das áreas administrativa, tributária e das finanças públicas. Aproveitem!Diego Menezes
O portal Universo Tributário surpreendeu pelo seu conteúdo disponibilizado, pela dinamicidade, pelo seu visual limpo e por ser usual. Parabéns! Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email
Você está aqui:Home arrow Notícias arrow Temas Diversos arrow Proposta altera critérios para classificação de municípios rurais e urbanos

In Company

Cursos e Treinamentos customizados para vossa empresa.