Universo Tributário

Mais de 300 agentes públicos perderam o cargo por envolvimento em irregularidades PDF Imprimir E-mail
Notícias sobre Administração Pública
14-Jan-2009

A Controladoria Geral da União (CGU) informou nesta quarta (14/01) que 347 pessoas deixaram o serviço público federal em 2008 por envolvimento em irregularidades.

Apesar do número de pessoas ser significativo, os dados mostram que os números caíram em comparação com o ano de 2007. Nesse ano, 437 pessoas perderam o cargo por causa de irregularidades.

Segundo a CGU, em 2008, houve 284 demissões, 28 cassações de aposentadorias e 35 destituições de cargos no serviço público federal. Em 2007, os casos de demissão foram 386; os de destituição do cargo, 22, e os de cassação de aposentadorias, 29.

De acordo com a CGU, de 2003 a 2008, as expulsões somam 1.969. As demissões de cargos efetivos totalizam 1.705; as destituições de cargos em comissão, 143; e as cassações de aposentadorias, 121.

As principais razões para a perda do posto são o valimento do cargo para obtenção de vantagens – 984 ocorrências desde 2003 – e improbidade administrativa, 580 casos no mesmo período. Outras razões para a perda da vaga são abandono de cargo (293), recebimento de propina (184) e lesão aos cofres públicos (159).

Fonte: Agência Brasil

 
< Anterior   Próximo >
Advertisement

Nossos Parceiros

Anuncie Aqui!

Assine nosso RSS

Charges

Produtos e Serviços

Você está aqui:Home arrow Notícias arrow Administração Pública arrow Mais de 300 agentes públicos perderam o cargo por envolvimento em irregularidades

In Company

Cursos e Treinamentos customizados para vossa empresa.