Universo Tributário

Carga tributária brasileira em 2008 é de 35,8% do PIB PDF Imprimir E-mail
Notícias sobre Finanças Públicas
14-Jul-2009

A informação é do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) que divulgou um estudo sobre a Carga Tributária Líquida e Efetiva Capacidade do Gasto Público no Brasil.

O estudo Carga Tributária Líquida e Efetiva Capacidade do Gasto Público no Brasil, resultado de convênio do Ipea com a Receita Federal, divulgado no dia 07/07, ressalta que, apesar de o valor disponível para gastos com bens e serviços ter caído em relação ao PIB, as transferências de assistência e previdência e subsídios (Taps) cresceram muito nesses 18 anos - aumento de 109,6%. Em 1980, elas representavam 7,3% do Produto Interno Bruto, e em 2008 pularam para os 15,3%.

Os dados apresentam, entre outras questões, um comparativo da carga tributária bruta e líquida, das transferências de assistência e previdência social e subsídios e do pagamento líquido de juros no Brasil e em países como os Estados Unidos, o Reino Unido, Canadá, a Alemanha, França, Espanha, Grécia, Itália, Portugal e a Noruega.

Fonte: IPEA

 
< Anterior   Próximo >
Advertisement

Nossos Parceiros

Anuncie Aqui!

Assine nosso RSS

Charges

Produtos e Serviços

Você está aqui:Home arrow Notícias arrow Finanças Publicas arrow Carga tributária brasileira em 2008 é de 35,8% do PIB

In Company

Cursos e Treinamentos customizados para vossa empresa.